Padre é preso em flagrante por abuso e cárcere privado

Padre é preso em flagrante por abuso e cárcere privado

Padre mantinha jovem trancado em apartamento e teria abusado da vítima.

O padre Marco Aurélio Costa da Silva foi preso em flagrante, no fim da tarde desta segunda-feira (26) em Palmas. Ele é suspeito de abusar sexualmente e manter em cárcere privado um jovem de 18 anos.

Segundo a polícia civil, a vítima conseguiu fugir do apartamento do padre, na manhã desta segunda (26).

O jovem procurou a polícia e contou que era do estado de Pernambuco  e veio a Palmas com a promessa de uma carta para entrar no seminário. Mas ao chegar na capital, foi mantido em cárcere privado e sofreu abuso sexual.

O padre foi preso após enviar uma mensagem para o jovem quando estava na delegacia. A polícia armou um flagrante e prendeu o suspeito.

O padre foi levado para a delegacia de Polícia onde deve ser autuado em flagrante por abuso sexual e cárcere privado.

Em 2015, o padre Marco Aurélio Costa chegou a preso em flagrante por suspeita de enviar pornografia para um adolescente de 16 anos. Ele dirigia uma paróquia em Peixe no sul do estado.

O padre se passava por uma mulher para tentar convencer o garoto a sair com ele e propunha sexo via whatsapp.

Deixe seu comentário