Policiais estão há 10 dias em buscas por assaltantes de banco e carro – forte

Policiais estão há 10 dias em buscas por assaltantes de banco e carro – forte

A força-tarefa das polícias do Tocantins entrou no décimo dia de busca pelos suspeitos de integrar uma quadrilha de roubo a bancos e carros-fortes.

Confrontos entre policiais e os criminosos  já deixaram cinco mortos: o sargento da PM Américo Gama e quatro suspeitos.

A polícia apreendeu um arsenal de fuerra, com fuzis e dezenas de munições de grosso calibre.

Desde o início da operação foram apreendidas uma pistola calibre. 40 é um revólver calibre 38. Além de dois fuzis 5,56, e dezenas de munições de grosso calibre.

A PM, a Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal também entraram nas buscas pelos demais criminosos.

Nesta quinta-feira (31), durante as buscas por esses criminosos, ocorreu um confronto armado entre os suspeitos e a Polícia Militar. Dois homens foram baleados e morreram. Os nomes deles não foram informados.

Na madrugada desta sexta-feira (1º) ocorreu um ataque a um posto de atendimento de um banco em Pequizeiro. Durante as buscas por estes suspeitos, no período da manhã, houve um novo confronto e o sargento Américo Gama, de 53 anos, acabou sendo baleado pelos criminosos e morreu a caminho do hospital.

O último confronto aconteceu na tarde desta sexta-feira na região de Pequizeiro e acabou com outros dois suspeitos baleados em uma área de mata.

Deixe seu comentário