Suspeito de matar vendedora em Peixe é solto pela justiça

Suspeito de matar vendedora em Peixe é solto pela justiça

Justiça considerou imagens de câmeras de segurança e depoimentos de comerciantes que viram Marciley em Gurupi, na manhã do crime.

A Justiça revogou a prisão preventiva do homem que foi apontado pela Polícia Civil como suspeito da morte da vendedora Jaqueline Rodrigues, de 19 anos. Ele conseguiu comprovar que estava em Gurupi, a 70 quilômetros de Peixe, onde o crime aconteceu. Imagens de câmeras de segurança e depoimentos, comprovariam que o suspeito estava em Gurupi. O homem estava detido desde a última sexta-feira (8) e foi solto na manhã desta quarta-feira (11).

Marciley Lopes de Araújo é o principal suspeito de ter matado a jovem, ele agora vai responder o crime em liberdade.

A prisão preventiva dele havia sido decretada no domingo (8). O pedido de revogação foi feito pela defesa na última segunda feira (9).

Jaqueline foi encontrada morta na manhã da quinta – feira passada em Peixe. Ela estava no banheiro da loja onde trabalhada, amarrada , amordaçada e com várias perfurações pelo corpo.

A polícia continua investigando o crime.

Deixe seu comentário