Suspeitos de estuprar e matar menina em Talismã são denunciados pelo MPE

Suspeitos de estuprar e matar menina em Talismã são denunciados pelo MPE

Por: Tiago Souza

O Ministério Público Estadual (MPE) denunciou os dois suspeitos de estuprar e matar Andressa Aires, de 12 anos. O crime aconteceu em fevereiro deste ano em Talismã, na região sul do Tocantins. As investigações apontaram que o irmão da vítima e um outro rapaz, com quem ela teria tido um relacionamento de curto prazo, foram os supostos autores do crime.

Segundo a Polícia Civil, Andressa foi asfixiada e torturada, antes de ser golpeada com tijoladas e 12 facadas. Os suspeitos teriam ainda usado o sutiã da vítima para amordaçá-la e abafar os gritos. A menina foi surpreendida pelo próprio irmão e levada até uma construção abandonada, onde o crime aconteceu, de acordo com a denúncia apresentada pelo MPE. O corpo de Andressa foi arrastado para um matagal que fica em frente a casa da família dela e só foi encontrado dias depois.

Os suspeitos foram denunciados por estupro vulnerável e assassinato qualificado por motivo torpe, emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima, emprego de asfixia, tortura e meio cruel, concurso de pessoas e feminicídio. Um está preso em Gurupi e o outro está na Unidade Prisional de Porto Nacional.

Deixe seu comentário